22 POSIÇÕES PARA PRATICAR NO SEXO GAY

22 POSIÇÕES PARA PRATICAR NO SEXO GAY

ANÚNCIO

Postagem escrita em 21/02/2023

O filhote, o missionário ou o passivo de cabeça para baixo e o ativo nele, não são as únicas poses existentes para praticar o sexo anal. A variedade de posições e sensações para conhecer e explorar pode surpreendê-lo. Estamos acostumados a algumas posturas e muitos amantes gays acabam ficando entediados para não tentar posições diferentes, arriscadas, novas e capazes de proporcionar prazer infinito. Bem, neste post fornecemos e ilustramos 22 POSIÇÕES para a prática do GAY ANAL SEX. Isso dará magia, variedade, intensidade e diversão à sua vida sexual. Vamos lá, ser encorajado a explorar e conhecer todas as boas novas que o sexo anal gay tem para você …

1.- A ÁRVORE

O passivo deita-se de costas e apoia um de seus pés, flexionando a perna, no peito do ativo. que de joelhos o penetra com maior intensidade. O ativo pode beijar ou lamber o peito do parceiro ou brincar com o pênis. Ambos mantêm contato visual.

2.- O BONOBO

Nesta posição, a passiva descansa apenas em seus braços e sobe o máximo que pode para que seu parceiro ativo possa penetrá-lo, apoiando-se apenas em suas mãos ou pés. Conforme permitido pelo passivo que controla a posição, eles podem se beijar. O passivo pode optar por se inclinar com os cotovelos em vez de com os braços, a fim de se masturbar …

3.- O CAVALO

As mentiras passivas ficam muito relaxadas, deixando o ânus o mais exposto possível. Seu parceiro fica em cima dele e se senta como se estivesse montando um cavalo. Isso permite que o ativo tenha liberdade suficiente para se mover e montar seu parceiro, enquanto o passivo pode receber o ataque com tranquilidade …

4.- O CANGREJO

O homem que desempenha o papel passivo está deitado de costas, flexionando as pernas no peito, enquanto o ativo está entre as pernas. O ativo marca o ritmo, a intensidade e a profundidade da penetração, que pode se tornar mais intensa agarrando com firmeza as coxas de seu parceiro. Da mesma forma, os amantes podem ver cara cara. Entre os inconvenientes, sendo tal postura forçada a penetração tão profunda pode causar alguma dor ao passivo se não muito acostumado, e ao mesmo tempo o passivo goza de pouca liberdade de movimento.

5.- O BALANÇO

Nessa posição, o ativo está nas costas, enquanto o parceiro passivo está sentado sobre ele, embora por trás, na posição de agachamento. Esta posição é passiva que marcar a dobra seus joelhos, intensidade, ritmo e profundidade da penetração, enquanto seu companheiro pode, com suas mãos, pat suas costas, o peito, a barriga ou seu pênis. Para não ser amantes cara a cara maior margem é deixado para as fantasias, porque todo mundo pode imaginar ter um relacionamento com quem imaginarse.Requiere grande força física pela pessoa que suporta o todo é forçar-me nas pernas quando seu único ponto de apoio. Esta posição estimulante é perfeita para o passivo que “senta” exatamente e anatomicamente em seu parceiro, o que permite uma penetração direta …

6.- O GRILO

O passivo deitado de lado flexiona a perna que está no lado superior e o lado ativo penetra por trás, mas inserindo o pênis não horizontalmente na abertura anal, mas verticalmente. Isso produz uma sensação de atrito diferente da clássica introdução do pênis. O ativo domina o ritmo e a intensidade do atrito e o seu parceiro pode relaxar melhor deitado. O ativo também pode colocar a perna superior sobre o passivo para dar mais estabilidade ao ritmo.

7.- O MISSIONÁRIO

Esta é a postura mais convencional, em que um dos amantes está deitado de costas e o outro é colocado entre as pernas para penetração. Tem a vantagem de que os amantes, para ficar cara a cara, eles podem ser vistos e beijar, também favorece a penetração mais profunda, o que será mais intenso se o homem que desempenha o papel passivo e flexiona os joelhos até os ombros. Como desvantagens, deve-se notar que não é uma posição muito confortável, caso o homem que desempenha o papel ativo seja corpulento demais.

8.- O FILHOTE

Essa posição é muito popular, já que o sexo anal, em muitos casos, está associado a ela. O passivo deve ser colocado em suas mãos e joelhos, enquanto o outro vai se ajoelhar atrás dele. O ânus da penetração se estreita devido ao músculo púbico que torna a penetração dolorosa se não for acompanhada de boa lubrificação e estimulação preliminar com os dedos ou a língua. O ativo pode se mover muito rapidamente e aguçar a excitação. O movimento pode ser mútuo, sendo o ativo guiando o ato, capturando a pessoa penetrada pela cintura, pela bunda ou pelos ombros. Para que “filhote” seja “cachorrinho”, os passivos (se não os dois) devem ter os joelhos no chão.

9.- ANDROMAQUIA

Nessa posição, o homem que desempenha o papel ativo está deitado de costas, com as pernas abertas e o amante sentado sobre ele, apoiado nos joelhos. O ritmo, a intensidade ea profundidade de penetração neste caso marca o homem que desempenha o papel passivo, enquanto que ambos podem ser face a face, mantendo contato com os olhos, enquanto o homem ativo pode jogar com o seu mãos penis de seu amante que está diante dele em seu peito. Entre as desvantagens é que é uma postura que faz com que os músculos gêmeos e joelhos do passivo sofram muito, o que apóia o esforço.

10.- O MACACO

Nesta posição, o recurso está deitado de costas e dobre as pernas fechadas inteiramente em seu peito, então deixe seu pénis pronto para o passivo literalmente sentir isso. Para o ativo emoção adicional pode usar os pés como um backup para passiva, que dirige o ritmo, a intensidade ea profundidade de penetração alavancar seus passivos pies.En esta posição ainda mais pode aumentar o prazer de ativo fazendo movimentos circulares do quadril, além dos movimentos tradicionais para cima e para baixo, e pode estimular ainda mais o seu parceiro acariciando seus testículos, inteiramente à sua disposição. É uma posição original e divertida.

11.- O GRANDE V

Esta posição pode executar-se em uma mesa ou uma cama segundo a preferência dos amantes. A única diferença é que o ativo ficará de pé ou ajoelhado de acordo com o local escolhido. O passivo deve deitar-se com as pernas abertas e levantadas cerca de 90 graus, enquanto o ativo as manterá estáticas, enquanto penetra seu companheiro. Nesta posição a penetração é muito profunda e prazerosa, deixando todo o movimento dos amantes nas mãos do bem. Como você completar o ato pode ser variada, fechando as pernas do passivo, colocando-os sobre os ombros ou segurando-os contra cuerpo.La conforto deste posição que depende da força do ativo. Passive deitado pernas abertas em um V eo ativo é o assunto dos bezerros ou tobillos.Esto permite mobilidade passiva deve parar sua área pélvica ativa como é difícil para apertar os músculos nessa posição, deixando seu parceiro é responsável pelo ritmo e intensidade da penetração.

12.- O HELICÓPTERO

Essa é outra daquelas posturas que eu chamo de “exótica” ou “acrobática”. Ela exige um bom backup, ou uma borda da cama ou móveis para responsabilidades para o chão suportado apenas em seus ombros e se inclinar para trás para móveis resto cair. O ativo é colocado na posição diagonal oposta e penetra dessa maneira. OLHO: tenha cuidado com o pescoço do passivo. O ativo deve apoiar uma perna e montar a outra na cama ou na mobília e com essa perna e braços ajudar a manter o ritmo. Nota: todas as posições em que o passivo eleva o quadril além do peito são altamente estimulantes. O ritmo é difícil de tomar, mas goza de uma penetração “de cabeça para baixo” e na diagonal.

13.- O POLVO

O passivo deita-se de costas, enquanto o ativo é colocado entre suas pernas, encaixando-se nos quadris e nádegas de seu amante, que descansam em suas coxas. A intensidade, a força e a profundidade da penetração dependem da maneira como o ativo se ajusta aos seus próprios quadris entre os do parceiro. O ativo é livre para acariciar o peito, o tronco ou o pênis de seu parceiro e, da mesma forma, ambos os amantes estão face a face. Entre as desvantagens a falta de liberdade de movimento do homem passivo, que também mantém uma posição arqueada das costas, que suporta apenas o pescoço, para que ele possa ser ferido.

14.- O YUNQUE

Nesta posição, o homem que desempenha o papel passivo deita de costas com os joelhos dobrados sobre o peito e os pés apoiados sobre os ombros do homem que desempenha o papel ativo, usando os joelhos e os pés para a penetração. Favorece uma penetração mais profunda e intensa, enquanto os amantes podem estar face a face e os passivos podem aumentar sua excitação se masturbando. Entre as desvantagens, deixa pouco espaço para o movimento para o passivo e requer alguma flexibilidade por parte de ambos os amantes, o que não está na mão de todos.

15.- A STEM

Nesta posição, a passiva cai de costas, flexionando uma perna e apoiando a outra no ombro de seu companheiro que, de joelhos, realiza a penetração. O ativo pode apresentar novas responsabilidades se mantido preso pelos pulsos, deixando-o inteiramente à sua mercê, porque nesta posição decide a força, a intensidade ea profundidade da penetração. O contato visual dos amantes é mantido e o passivo pode brincar com seu pênis, se ele for deixado a mão livre, ou acariciá-lo contra a barriga de seu parceiro. Entre as desvantagens os beijos são cancelados e uma grande resistência física por parte do ativo também é necessária.

16.- AS DUAS COLUNAS OU OS DOIS PILARES

Nesta posição, ambos os amantes estão de pé, daí o nome, o bem penetra na posição passiva atrás dele. O ativo é aquele que marca completamente o ritmo, a intensidade e a profundidade da penetração, que o passivo pode aumentar se inclinar-se ainda mais apoiando-se em algo. O ativo pode estimular com a mão o peito, o tronco e o pênis de seu companheiro ativo. Ao não ver os amantes face a face cabe mais jogo para a fantasia sexual, cada um pode imaginar ter a relação com quem quer que seja desejado. Não há mais desvantagem de que ser a penetração mais intensa pode ser dolorosa para os inexperientes, e ambos os amantes, logicamente, precisam ter a mesma altura.

17.- O ESCRAVO

Para realizar essa posição, o menino que vai ser penetrado deve ficar em uma superfície com as pernas dobradas para o peito. Com os braços entre as pernas, você pode segurar os pés para manter a postura mais estável. O garoto ativo será colocado para trás para penetrá-lo, descansando de joelhos e também agarrando as pernas de seu amante. A penetração nessa posição é muito profunda desde que o ânus relaxa, sendo o garoto ativo que controla o movimento. Além disso, ele pode se masturbar seu parceiro. Se você quiser alterar sua posição, recomendamos que você mude para o grande V, pois não é necessário interromper a penetração.

18.- A BORBOLETA

O ativo senta com as pernas entreabertas enquanto o passivo se senta sobre ele, guiando o pênis do parceiro para a penetração. Esta posição é passiva, inclinando-se em seus braços e pés, que define o ritmo, força e intensidade da penetração de seu parceiro, que pouco pode fazer para ter todo o peso dele sobre si mesmo. O passivo ainda pode se sujeitar mais ao ativo se em vez de se apoiar na cama repousar sobre os tornozelos de seu parceiro, imobilizando-o completamente e deixando seu prazer à sua mercê. Entre as desvantagens é que os amantes não podem beijar e o passivo requer grande força física por todo o esforço que faz.

19.- O SABÃO

Tomado de que a famosa lenda da prisão onde o preso se abaixar para pegar o sabonete que caiu expôs sua bunda e não perdoa, esta posição lembra o melhor de artículo.El ativa perder esse pé atrás de seu parceiro inclinado para frente, movimento com o qual sua bunda é projetada e o ânus é exposto. De preferência, a penetração é realizada com as mãos de um banquinho, cadeira ou qualquer objeto que permita que você descanse para descansar a tensão nas costas. Se você for flexível o suficiente, você pode apoiar suas mãos no chão, o ativo deve segurar o seu parceiro pela cintura para evitar empurrar para a frente com o impulso do vaiven. Ambos podem controlar o ritmo: o passivo, de preferência, abre as pernas um pouco no momento da penetração e as mantém assim ou fecha-as de acordo com o nível de atrito que você deseja.

20.- A CASA

Nesta posição o passivo deita-se sobre suas costas ainda que arqueia completamente, apoiando-se apenas em seus pés, pescoço e ombros, enquanto o activo se coloca entre suas pernas penetrando-lhe. Sendo ambos os amantes acará contato face é favorecido, enquanto o ativo pode com a mão que não segurava seu jogo parceiro e acariciar seu peito, o pescoço, o tronco ou o seu pênis. O ativo é quem determina o ritmo, força e intensidade da penetração, enquanto o passivo controla o ângulo de penetração à medida que se arqueia mais ou menos, aumentando o prazer de seu parceiro. Entre as desvantagens, elas alcançam flexibilidade e força física que são necessárias no passivo.

21.- COLHER

Nessa postura, o homem passivo deita-se de lado, enquanto o ativo se posiciona atrás dele, seguindo suas curvas, penetrando dessa maneira, intensa e profundamente unidas. Entre as vantagens dessa posição, o ativo pode beijar o pescoço de seu parceiro, aumentar sua excitação ou brincar com as mãos no pênis de seu parceiro, que é livre para fazê-lo. Permite que o ritmo, intensidade e profundidade da penetração, que marca o ativo, sejam mais lentos e lentos, aumentando o tempo do relacionamento. Entre os inconvenientes, ser uma posição que dificulta uma penetração profunda e que favoreça a calma, pode aborrecer certos casais.

22.- A MADEIRA

Esta é uma das posições acrobáticas, não tanto porque é difícil de conseguir, mas por causa de quão complicado o ritmo pode ser. O passivo se estende de costas no chão e o ativo se monta nele mas de cabeça para baixo, pés com cabeça. O passivo projeta o ânus para cima para que seu companheiro possa penetrá-lo. Não é uma penetração profunda. O ativo deve colocar os joelhos no chão e apoiar os cotovelos para poder dar impulso, embora o ritmo possa levá-lo movendo-se para baixo e para cima, qualquer um dos dois.

A LENHA

Você agora tem uma variedade de posições interessantes que vão além do mesmo Gay Kamasutrra, que são poses apropriadas para o sexo entre dois homens.

Gostou? Então compartilhe!