Fetiches mais comuns: quais são eles?

Fetiches mais comuns: quais são eles?

ANÚNCIO

Postagem escrita em 30/01/2023

Atualmente, quando o assunto são os fetiches mais comuns existentes, muitas perguntas podem acabar surgindo em sua mente. A verdade relacionada ao tema é que, eles sim, são uma forma e tanto de apimentar as coisas quando o assunto é o sexo.

fetiche

E, para quem ainda não sabe, não é necessariamente o fetiche ou o tipo dele que tem relação. Mas, sim, o quanto ele pode ajudar a melhorar o desempenho sexual das pessoas. O quanto ele excita.

Um fetiche bem comum, por exemplo, está relacionado ao beijo grego. Você pode se surpreender ainda com o beijo grego e as possibilidades que ele pode te trazer. Não deixei de explorar o assunto também.

Porém, é importante ter em mente que, mais do que o prazer que pode e deve ser sentido na hora, é preciso se cuidar. Uma vez que, a saúde é prioridade e muitos dos fetiches mais comuns trazem riscos de doenças. Que, não é o que se deseja.

O jogo do impacto é um fetiche bem comum. Já ouviu falar dele? Ele bascimente envolve tapas, dos mais fracos, aos de maior impacto. Para se ter uma ideia, até o chicote é usado em meio à prática. Nese momento você pode estar se perguntando se as pessoas envolvidas aceitam, mas, a verdade é que, o melhor é que sejam estipulados combinados no início. Do tipo: será feito isso, o limite é esse. Assim, a prática não acaba magoando e nem machucando ninguém. No início, normalmente o jogo do impacto inicia inclusive só com a mão.

Mais alguns dos fetiches mais comuns

Fetiches Sexuais

Outro bem conhecido entre os fetiches mais comuns é o RPG. Ele basicamente significa a representação de uma fantasia sexualmente falando. Por exemplo: a pessoa tem pavor de enfermeiros. Então, um dos dois se veste como tal e faz toda uma cena teatral até que  se chegue ao ato sexual. É muito comum que se tenham fetiches em colegiais, por exemplo, assim como professores.

E os fetiches em pés, já ouviu falar? Também muito comuns, eles consistem na pessoa ter tesão por imaginar coisas relacionadas a essa parte do corpo. Algumas gostam da ideia de imagens, outras querem pegar, acariciar, fazer massagens.

Há muitas pessoas que nem sabem que o(a) parceiro(a) tem fetiche no pé. Depois que descobrem, aproveitam. Quem não gosta de uma boa massagem, não é mesmo?

Sobre o fetiche relacionado ao sexo anal? Provavelmente você já ouviu falar. Entenda que, você não necessariamente precisa ter esse fetiche, para fazê-lo. Há quem ame fazer o ato e acabou. Que até prefira ele. Outros que simplesmente afirmam que nunca vão querer experimentar. E, quem experimente e não queira mais parar.  São coisas que só quem pratica ou tenta praticar, pode opinar se quer fazer ou não.

Ainda com relação aos fetiches mais comuns, um deles envolve o uso de lingeries específicas. Muita gente fica extremamente excitada quando o assunto são roupas íntimas mais ousadas. Isso porque, há como sair bastante do comum, usando meias, por exemplos.

Qual é o seu fetiche preferido?

Dos fetiches mais comuns que foram falados até agora, qual é o seu preferido? Alguma vez você já pensou, por exemplo, em fazer sexo em grupo? Há diversas pessoas que entram em aplicativos, por exemplo, com esse intuito. São um casal e procuram uma terceira pessoa. Ou, estão sozinhas e procuram duas que concordem com a prática. É bem mais comum do que se pode imaginar. Então, caso tenha esse fetiche, pode ficar tranquilo que não está sozinho nessa.

Existem ainda os jogos das sensações. Eles podem envolver olhos vendados, cócegas, mordidas, uso de gelo. Enfim, infinitas são as opções. Assim, em meio a isso, o jogo psicológico pode ser usado também, fazendo com que as pessoas imaginem mil coisas e cenas em suas cabeças.

Há quem prefira, enquanto fetiches, controlar o orgasmos e isso também é possível. Nesse caso, a questão entra muitas vezes nas especificidades de dominar e ser submisso(a). Uma das pessoas chega até o seu limite e e é obrigada a parar.

Sim, os fetiches mais comuns são muitos e resta explorar cada um deles para saber quais te agradam mais. O mais importante, sempre, é ter em mente que há muitas formas de se conseguir o que quer na cama, tendo sempre o diálogo com a pessoa com a qual se relaciona. Mas, nada de ultrapassar limites que não lhe foram dados ou se ofender. Porque os fetiches surgiram para serem aproveitados e não para trazer problemas.

Gostou? Então compartilhe!